“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertarás”

Com as bênçãos de Deus, a paz de Jesus e a intercessão de Maria de Nazaré.

Do Evangelho de João: “Disse, pois, Jesus aos judeus que haviam crido nele: – Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sereis meus discípulos e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”. (João, 8: 31-32)

Mas que verdade nos libertará?

Em outra passagem, respondeu Jesus: “- Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, senão por mim”. (João, 14: 6)

Jesus revelou a verdade divina pela Palavra que liberta aqueles que creem e praticam os seus ensinamentos e exemplos como roteiros de vida.

A verdade de Deus é absoluta, única, eterna e imutável. “A caraterística essencial de qualquer revelação é ser a verdade. (…) Toda revelação desmentida pelos fatos deixa de o ser, caso seja atribuída a Deus. E, visto que não podemos conceber Deus mentindo, nem se enganando, ela não pode emanar dele; logo, deve ser considerada produto de concepção humana”. (KARDEC, Allan. A Gênese. Capítulo I, item 3)

No entanto, importante recordar a passagem do Consolador Prometido pelo Mestre: “Jesus disse: “- Ainda tenho muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora. Mas, quando vier aquele Espírito de Verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir”. (João 16: 12-13)

“Se, pois, o Cristo não disse tudo quanto poderia dizer, é que julgou conveniente deixar certas verdades na sombra até que os homens estivessem em condições de compreendê-las”. (Allan Kardec. A Gênese. Capítulo I, item 26)

Assim, o conhecimento da verdade é proporcional à nossa evolução moral, intelectual e espiritual, sendo que as revelações divinas sempre ocorrerão quando pudermos assimilar e suportar os seus conteúdos.

A verdade nos libertará à medida que evoluirmos e adquirirmos a capacidade de compreendê-las no serviço dignificante da prática do bem junto aos nossos semelhantes.

Logo, conhecer a verdade tem sentido mais profundo, precisando ser penetrada e assimilada para favorecer o combate das nossas imperfeições, passando pelas provas evolutivas que Deus nos impõe rumo à perfeição relativa à Humanidade, tendo Jesus como modelo e guia.

Pelo livre arbítrio, temos que acolher a semente libertadora da Palavra do Semeador Divino, sendo solos férteis para germinar a luz dentro de nós, desenvolvê-la, florescer e, depois, dar bons frutos. Para tanto, precisamos da devida preparação e do amadurecimento espiritual, o despertar da alma.

Da luta renovadora, somos convocados a fazer escolhas mais acertadas, administrar o tempo, ampliar sentimentos, desenvolver virtudes, cultivar, sobretudo, a solidariedade e prestar-se à prática da caridade. 

Não seremos libertos pelas verdades provisórias de que sejamos detentores. Devemos nos colocar como seres receptivos para a verdade divina, única, absoluta, eterna e imutável.

A libertação pela verdade é longo processo pelo trabalho incessante na prática do amor ao próximo como a si mesmo. A prática do amor incondicional, sem esperar retribuição ou até mesmo gratidão. É o amor pelo amor, que perdoa, faz caridade, tem misericórdia e piedade, não é orgulhoso e tampouco egoísta.

Quando chegar este momento, ou a hora do despertar, depois da devida preparação e amadurecimento espiritual, diremos: conhecemos a verdade, e a verdade nos libertará!

Autor: JUAN CARLOS OROZCO

Revisora: Heloísa Castro

Bibliografia:

BÍBLIA SAGRADA.

KARDEC, Allan; tradução de Evandro Noleto Bezerra. A Gênese. 2ª Edição. Brasília/DF: Federação Espírita Brasileira, 2013.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close