Quantas vezes devo perdoar?

“Então Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: Senhor, quantas vezes deverei perdoar a meu irmão quando ele pecar contra mim? Até sete vezes?

Jesus respondeu: Eu digo a você: não até sete, mas até setenta vezes sete”. (Mateus 18: 21-22)

Quantas vezes devo perdoar? Um dos grandes ensinamentos do Mestre Jesus é a prática do perdão, em que se deve perdoar sempre.

Não devemos esquecer o grande exemplo dado pelo Cristo em seu momento derradeiro na cruz: “Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem” (Lucas 23: 34).

A busca da perfeição é longo processo de evolução moral e espiritual, cujo modelo e guia é Jesus, o Semeador Divino, por meio do seu Evangelho, a semente de elevação, no contexto de uma perfeição relativa à Humanidade, representada por diferentes tipos de solos espirituais. Jesus sempre está lançando as suas sementes.

Os problemas não se encontram no Semeador Divino e tampouco nas suas sementes, mas sim nos diversos tipos de solo, sendo causas dos insucessos para germinar a Palavra dentro de cada ser, que sufocam a sementeira do amor.

Temos que remover as pedras, os espinhos, as dificuldades e os obstáculos da vida para prosseguir firme, estendendo as mãos ao serviço do amor, tendo como terreno o próximo que nos propicia a boa colheita.

Ofendemos e somos ofendidos! O perdão é uma oportunidade para que o ofensor se arrependa, o pecador se recomponha, o criminoso se libere do mal e se erga, redimido, para a ascensão luminosa.

Amando, retribuindo sempre o mal com o bem, e praticando o perdão incondicional e a indulgência, experimentaremos também o consolo de sermos perdoados.

“Perdoai as nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido” (Oração do Pai Nosso).

“Onde houver ofensa, que eu leve o perdão (…) É perdoando que se é perdoado!” (Oração de São Francisco de Assis)

Comece a sua caminhada rumo à perfeição perdoando, até mesmo os seus inimigos.

Perdoe hoje, não deixe para amanhã!

Bibliografia:

BÍBLIA SAGRADA.

KARDEC, Allan; tradução de Guillon Ribeiro. O Evangelho Segundo o Espiritismo. 1ª Edição. Brasília/DF: Federação Espírita Brasileira, 2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close